Gráfica e Editora Moura Ramos: livros, revistas, embalagens, sacolas, agendas e impressos em geral.: 2015 Google+

quinta-feira, 31 de dezembro de 2015

Feliz Ano Novo!


A Gráfica Moura Ramos agradece a todos que confiaram em nosso trabalho e nos escolheram como parceira de projetos durante todo o ano de 2015.

Desejamos muito sucesso, saúde, paz e prosperidade a todos os nossos clientes, amigos e colaboradores e esperamos que em 2016 as nossas relações sejam ainda mais estreitas.
Feliz 2016!

quarta-feira, 30 de dezembro de 2015

Ilustrador não poupa seu talento para criticar a sociedade

Sabe-se que a sociedade em que vivemos, atualmente, está marcada pelo excessivo uso de tecnologia, em que os celulares, aplicativos e fotografias tomaram conta de praticamente todos os espaços e momentos de nossa vida.

Mesmo que o advento da globalização torne isso aceitável e faça com que algumas pessoas não estranhem este fato, é comum nos questionarmos o quão saudável é esta relação. E para opinar da maneira que acha justo, o ilustrador Jean Jullien criticou tal fato como ninguém. O artista francês nos mostra, em ilustrações irônicas, algumas situações de nosso dia a dia e nos faz refletir sobre a estranheza do mundo moderno.

Nas imagens abaixo, ele retrata como a tecnologia pode servir de barreira para disfarçar a frieza de nossos relacionamentos interpessoais e lembra-se de expor ainda mais o narcisismo dos nossos tempos.

Confira:

























REDAÇÃO

Simpatias de Ano Novo: você acredita?

Faltam poucos dias para terminar mais um “Ano”, que teoricamente encerra mais um ciclo de vida em cada um de nós.

Para iniciar um novo ano com ânimo e enfrentar os desafios cotidianos, na maior parte do mundo, velhas simpatias e crendices seculares costumam voltar à tona nesta época do ano e, boa parte delas, tem a ver com o que comemos, bebemos ou arremessamos, na última noite do ano.

São muitas as simpatias de Ano Novo que prometem prosperidade, amor, dinheiro, novo emprego, saúde e, até quem não é supersticioso, acaba fazendo uma delas, ainda que na brincadeira. Afinal, não custa nada arriscar e dar um empurrãozinho na tão esperada sorte.

O fato é que as simpatias fazem parte da vida da maioria dos brasileiros — Vestir-se de branco na noite de Réveillon, pular sete ondas, colocar um vaso de sete ervas em casa, tomar banho de sal grosso e amarrar fitinhas no braço são alguns dos exemplos mais conhecidos.

Acreditar ou não? Bem, isto você decide! Se estas superstições dão resultado ou não, no fundo, também não interessa! Mas, cá entre nós, quem não deseja ter um ano novo cheio de sorte, fartura, saúde, dinheiro, amor e felicidade? 

Pesquisamos algumas simpatias e crendices, para você fazer no dia 31 de dezembro e começar o ano com o pé direito e, como brinde, adicionamos outras crendices muito populares, que podem ser feitas no decorrer do ano.

Veja algumas delas:

 Simpatias para o Ano Novo

• Pular só com o pé direito à meia-noite atrai coisas boas para a vida;

• Para dar impulso à sua vontade de subir na vida, à meia-noite, suba num degrau, numa cadeira ou em qualquer coisa num nível mais alto. Comece, é claro, com o pé direito;

• Para ter um ano de muita sorte, chupe três uvas a partir da meia-noite — alguns acreditam que devem ser 13 uvas;

• A lentilha é um dos símbolos da fartura. Assim, suba em uma mesa com o pé direito e coma uma colher cheia de lentilha cozida, sem tempero;

• A amêndoa é outro símbolo da fartura, portanto, não a deixe faltar na ceia do ano novo;

• Acenda todas as luzes da casa para espantar o azar, mas deixe abertas as portas e janelas para a felicidade entrar;

• Abra todas as torneiras à meia-noite do dia 31 de dezembro, para que a água leve tudo de ruim com o ano que termina;

• Use pelo menos uma peça de roupa nova no último dia do ano: cor-de-rosa, azul ou branca. Isso lhe dará fartura e dinheiro;

• Certifique-se que tem todos os buracos, rasgões ou botões da roupa costurados, para atrair a boa sorte!;

• Um banho de mar à meia-noite de 31 de dezembro lavará todas as impurezas deixadas pelo ano que termina;

• Não consuma peru, frango ou caranguejo na noite que antecede o ano novo, como esses animais ciscam ou andam para trás, acredita-se que quem comê-los regredirá na vida; 

• Conte quantas felicitações recebe nesta noite de 31 de dezembro. Significa que este será o número de amigos fiéis nos próximos 365 dias;


• Se na virada do ano, a primeira pessoa a entrar na casa for homem, o ano vai ser bom; se for mulher, vai ser ruim;

• No primeiro dia do novo ano varra a casa e ponha o lixo pela porta da rua. Isso limpará as tristezas do ano que terminou;

• Para ficar tranquilo e feliz o ano inteiro, não brigue nem chore no dia primeiro de janeiro;

• Para ter sorte no amor, basta cumprimentar, à meia-noite, e em primeiro lugar, uma pessoa do sexo oposto; 

• Jogar moedas para fora da casa quando der meia-noite atrai riqueza para todos que moram nela;

• Qualquer peça amarela atrai dinheiro (representa ouro), pode ser uma peça íntima, um lenço, uma faixa ou um pequeno lacinho amarelo, que deve ficar sempre na sua bolsa;

• Guarde uma folha de louro na carteira durante o ano inteiro para ter sorte;

• Não passe a virada do ano de bolsos vazios, porque assim eles vão permanecer tal e qual o resto do ano;

• Atraia dinheiro, guardando, em lugar seguro, para ninguém achar, a rolha da garrafa de champanha aberta na festa de Ano Novo, que tenha feito muito barulho;

• Não use roupa apertada, para não ter dificuldades econômicas;

• Chupar sete sementes de romã na noite de Réveillon, embrulhá-las num guardanapo e guardar o pacotinho na carteira, é uma forma não faltar dinheiro;

• Caso não tenha romã, costure uma moeda em um saquinho de pano e guarde-o dentro da carteira. O efeito é o mesmo das sementes de romã;

• Para garantir dinheiro, coloque seis moedas embaixo do tapete da porta de entrada da sua casa. Cole com durex e, durante o ano, verifique se elas continuam no mesmo lugar;

• Coloque uma nota no sapato para chamar dinheiro.


terça-feira, 29 de dezembro de 2015

Realização da Campanha "Acreditamos em Papai Noel"


No último dia 23, a equipe da Gráfica Moura Ramos saiu em missão especial, com destino a sede da Aldeias Infantis SOS Brasil - João Pessoa, localizada em Mangabeira, para realizar a entrega dos presentes às crianças assistidas pela ONG.

A Campanha intitulada "Acreditamos em Papai Noel", tinha como objetivo arrecadar cartas contendo os sonhos das crianças, onde os clientes, amigos e/ou colaboradores da Gráfica Moura Ramos adotavam as cartinhas e assim realizavam o tal sonho, mantendo vivo o espírito natalino que sempre aquece os nossos corações.

Cem (100) foi o total de cartas e graças a ajuda das pessoas que acreditaram na campanha, todas crianças receberam seus presentes.

A equipe da TV Correio, com a cobertura do brilhante repórter Wendell Rodrigues, registrou todos os momentos incríveis durante o evento.  Abaixo, o vídeo que foi gravado e exibido na programação da emissora, durante um dos seus telejornais. A emoção é visível. Os olhos dos pequenos brilhavam.
video

Confira abaixo algumas imagens registradas:











Os presentes restantes foram distribuídos pelo pessoal da Aldeias na noite de véspera de Natal passada nas comunidades de São Rafael e Mangabeira.

REDAÇÃO

29 de Dezembro - Dia Internacional da Biodiversidade


O termo diversidade biológica foi criado por Thomas Lovejoy em 1980, sendo que a palavra Biodiversidade foi usada pela primeira vez pelo entomologista E. O. Wilson em 1986, num relatório apresentado ao primeiro Fórum Americano sobre a diversidade biológica, organizado pelo Conselho Nacional de Pesquisas dos EUA (National Research Council, NRC). A palavra "Biodiversidade" foi sugerida com a finalidade de substituir diversidade biológica.
O Dia Internacional da Biodiversidade foi criado em 1993, pelo 2º Comitê da Assembléia Geral das Nações Unidas e inicialmente celebrado a 29 de dezembro.

Em 29 de dezembro de 2004, a Assembléia Geral da ONU proclamou, na resolução n.° 49/119, o dia 29 de dezembro como Dia Internacional da Biodiversidade. Logo após a 55ª Reunião da AG (Resolução 55/201, de 20 de dezembro de 2000), foi instituído o dia, em que passou a ser comemorado em 22 de maio. coincidindo com o aniversário da adoção da Convenção para a Diversidade Biológica, que ocorreu em 1992, durante a Cimeira do Rio.

O que é a Biodiversidade?

A BIODIVERSIDADE ou DIVERSIDADE BIÓLOGICA (Grego: bios = vida) é a diversidade da natureza viva. Desde 1986, o termo e conceito tem adquirido largo uso entre biólogos, ambientalistas, líderes políticos e cidadãos conscientizados no mundo todo.
A diversidade biológica está presente em todo lugar: no meio dos desertos, nas tundras congeladas ou nas fontes de água sulfurosas. As plantas, por exemplo, estão na base dos ecossistemas. Como elas florescem com mais intensidade nas áreas úmidas e quentes, a maior diversidade é detectada nos trópicos, como é o caso da Amazônia.

O BRASIL foi o primeiro país a assinar a Convenção sobre Diversidade Biológica e, para cumprir com os compromissos resultantes, vem criando instrumentos, tais como o Projeto Estratégia Nacional da Diversidade Biológica, cujo principal objetivo é a formalização da Política Nacional da Biodiversidade; a elaboração do Programa Nacional da Diversidade Biológica - PRONABIO, que viabiliza as ações propostas pela Política Nacional; e o Projeto de Conservação e Utilização Sustentável da Diversidade Biológica Brasileira - PROBIO, o componente executivo do PRONABIO, que tem como objetivo principal apoiar iniciativas que ofereçam informações e subsídios básicos sobre a biodiversidade brasileira. A Secretaria de Biodiversidade e Florestas (SBF), por meio da Diretoria de Conservação da Biodiversidade (DCBio) é o ponto focal técnico da Convenção sobre Diversidade Biológica no país.


segunda-feira, 28 de dezembro de 2015

Ceia completa de Ano Novo para fazer em casa


Não é todo mundo que tem disposição de sair por aí no Ano Novo, enfrentando filas, agitos e uma zoeira geral – que assola o litoral, por exemplo.

Muita gente também reserva mesas em hotéis e restaurantes programados para o evento. Mas não são poucos aqueles que preferem ficar em casa. Ou na casa de amigos ou parentes, preparando a curtindo a própria festa de passagem de ano. Com o afeto das pessoas queridas e dentro da própria programação estabelecida.

Para estes, aqui vai uma sugestão de cardápio que não exige tantos cuidados e pode ser planejado já a partir de hoje, para as compras de mercado e primeiras providências para a execução dos pratos. Uma salada de entrada, dois pratos principais (ou primeiro e segundo pratos, conforme o desejo na hora de servir) e uma sobremesa e tudo estará resolvido, com ingredientes ligados à tradição da data.

Como as lentilhas, que dizem trazer fortuna. Aqui são apresentadas em forma de salada, em receita do chef Alexandre Vicki, que brilhou muito em Curitiba e hoje está em Goiânia, comandando a cozinha do Restaurante Coralina, do Hotel Mercure. Na composição do prato, a combinação das lentilhas com o queijo gouda e a rúcula, ornada com os bastonetes de parmesão, que podem ser adquiridos prontos em padarias. E um toque agridoce com damascos e o oriental molho de ostra.

O primeiro dos pratos principal é o bacalhau, tradicional nas mesas européias no Ano Novo, embora por aqui esteja sempre muito mais ligado à Páscoa. E a receita está entre as mais simples e tradicionais, à Gomes de Sá, apresentada pelos produtores do Bacalhau da Noruega. Combinação clássica: bacalhau, cebola, ovos, azeitonas, alho e salsinha.

O prato de carne está de acordo com os preceitos do último dia do ano. Nada de aves, que ciscam para trás. Ou de ruminantes, que devolvem a comida depois de mastigada. O recomendado é utilizar carne suína, porque o porco chafurda para a frente (pensando bem, no fundo é tudo uma grande bobagem, mas tudo bem, são as recomendações populares). E aí, de acordo do o tema, nada melhor que um courinho pururuca à mesa. Como uma receita que a chef Manu Buffara, hoje brilhando à frente de seu próprio restaurante, o premiado Manu, nos ofereceu tempos atrás, quando ainda estava à frente da cozinha de outro estabelecimento. Trata-se de uma Costeleta de leitão crocante na mostarda com purê de feijão branco e marmelada de cebola roxa que vai arrancar suspiros dos presentes.

E por falar em suspiro, que venha a sobremesa: Pudim de claras com calda de grenadine. O xarope de grenadine se encontra pronto e é muito utilizado em coquetéis. É feito de romã, fruta sempre presente nas comemorações de virada de ano. O pudim de claras é feito normalmente (e veja como a receita é bem simples) e depois de frio a calda é despejada por cima. Dá um ótimo visual e reforça o bom paladar.

Pronto, aí está nosso cardápio de Ano Novo. Agora é só ir às compras e começar a prepará-lo. Vamos às receitas?


Salada de lentilhas, queijo gouda e rúcula com bastonetes de parmesão – da inspiração do chef Alexandre Vicki.

Salada de lentilhas, queijo gouda e rúcula com bastonetes de parmesão
A partir de receita original do chef Alexandre Vicki

Ingredientes

200 g de lentilhas cozidas (com os grãos firmes)
200 g de queijo gouda cortado em cubos
½ maço de rúcula cortada em tiras
100 g de pancetta cortada em tiras
20 tomates-cereja cortados ao meio
100g de damascos cortados em cubos
2 cabeças de alho laminadas
2 folhas de massa folhada
Azeite de oliva
50 g de parmesão ralado
1 ovo batido
molho de ostra

Preparo

Em uma frigideira, frite as lâminas de alho em bastante azeite até ficarem douradas, escorra-as e reserve.

Volte o azeite na frigideira e salteie a pancetta, os tomates cereja, os damascos e as lentilhas. Tempere com sal e pimenta-do-reino moída na hora e quando estiver frio adicione o queijo gouda e a rúcula. Corrija o tempero e reserve.

Pincele a massa com o ovo e polvilhe o parmesão, corte-a com as medidas de 1,5 cm x 5,0 cm e leve a assar em forno quente até ficarem douradas.

Para servir molde a lentilha com um aro de enformar e coloque os bastonetes em volta. Decore o prato com as lâminas de alho e com gotas do molho de ostra.

Rendimento: 4 porções.

Bacalhau da Noruega à Gomes de Sá: Receita simples de fazer e com todo o sabor que dela se espera.

Bacalhau da Noruega à Gomes de Sá

Sugestão dos produtores do “Bacalhau da Noruega”

Ingredientes:

1 kg de peixe tipo Bacalhau Saithe, Ling ou Zarbo, desfiado em lascas e dessalgado
200 ml de azeite de oliva
2 dentes de alho esmagados
4 cebolas médias, em rodelas
1 kg de batatas inglesas lavadas e cozidas
4 ovos cozidos, cortados em rodelas
Leite, o quanto baste, para cobrir o bacalhau
Azeitonas pretas, a gosto
Salsa picada para polvilhar
Sal e pimenta a gosto

Modo de preparo:

Colocar o bacalhau, já dessalgado, em um recipiente fundo, coberto com leite quente. Deixar a infusão por uma hora e meia a duas horas.
Levar ao fogo baixo uma frigideira grande, colocar o azeite, o alho e as cebolas até dourar. Retirar do fogo
Em um refratário grande, distribuir as rodelas de batata o refogado de alho e cebola e as lascas de bacalhau já escorridas e temperadas com pimenta.
Ajustar o sal.
Levar a travessa ao forno alto por 30 minutos.
Enfeitar com ovos cozidos, as azeitonas pretas e a salsa picada.

Rendimento: 4 porções.

Costeleta de leitão crocante na mostarda com purê de feijão branco e marmelada de cebola roxa

A partir de receita da chef Manu Buffara

Purê de feijão branco

1 kg de feijão branco
Sal, pimenta, curry, páprica picante, noz moscada

Cozinhe o feijão branco e bata no liquidificador até atingir a consistência de creme. Tempere com as especiarias e reserve.

Marmelada

75 g de cebola roxa
20 g de vinho tinto
10 g de vinagre de vinho tinto
5 g de açúcar

Puxe a cebola no azeite, deixe murchar, adicione o vinagre, deixe evaporar e depois adicione o vinho e o açúcar. Deixe secar e reserve.

Costeleta de leitão

300 g de costeleta de leitão

Tempere com sal, pimenta, alecrim, mostarda. Coloque no forno para assar durante 40 minutos a 185 ºC.

Mini legumes

8 mini-cenoras
8 mini-nabos
8 mini-beterrabas

Cozinhe os legumes em água salgada e fervendo. Retire e salteie na manteiga.
Sirva o purê de feijão branco com especiarias e a costeleta na mostarda.

Pudim de claras com grenadine – uma sobremesa delicada para fechar a noite em alto estilo.

Pudim de claras com calda de grenadine

Ingredientes

Manteiga para untar
8 claras
16 colheres (sopa) de açúcar
1 colher (chá) de casca de limão ralada
Xarope de grenadine

Preparo

Unte uma forma para pudim (com buraco no meio).

Bata as claras em ponto de neve. Acrescente o açúcar aos poucos e bata muito bem – até que, levantando a pá da batedeira, o suspiro mantenha sua forma.

Junte a casca de limão e misture.

Coloque o suspiro aos poucos, com o auxílio de uma colher (sopa), na forma reservada e alise bem. Bata ligeiramente a forma sobre a mesa para dissolver as eventuais bolhas de ar.

Leve o pudim em banho-maria ao forno moderado (170ºC) e deixe assar por cerca de 35 minutos ou até dourar (o pudim cresce e depois abaixa um pouco).

Deixe esfriar e a seguir desenforme.

Regue por cima o xarope de grenadine em fios.

Rendimento: 8 porções.


domingo, 27 de dezembro de 2015

O significado das cores para você usar no Ano Novo


Se você é uma pessoa supersticiosa, com certeza se preocupa com a cor da roupa de baixo ou do look geral que vai usar na virada do ano, não é mesmo?

Uma coisa sabemos: muita gente acaba usando o branco ou amarelo, por ser as cores cujo significados são mais conhecidos.

Nesse ano novo, faça diferente, conheça o significado das demais cores e arrase no look para a virada:

- Vermelho:


Se você está procurando uma paixão das mais ardentes para o próximo ano, vermelho é a cor que representa isso.

- Amarelo/dourado:


$$$$$$$$$, precisa falar mais alguma coisa? É a cor para quem visa um ano com muita riqueza.

- Verde:


Cor da esperança e da fé – é sempre bom começar o ano com um pedacinho verde no look, né?

- Laranja:


É a cor da criatividade e energia - ideal para quem está com novos planos de carreira ou estudantis para o próximo ano.

- Rosa:


Rosa é a cor das pessoas que buscam amor <3 - seja amor próprio ou por outra pessoa - não importa sua forma.

-Azul:


É a cor da tranqüilidade, ideal para quem estiver procurando ser alguém mais bondoso e desapegado no próximo ano.

- Roxo ou lilás:


É a cor da intuição, para quem quer ter um ano mais espiritual e com energias positivas.

- Preto:


É a cor da decisão. Dizem que passar o Ano Novo de preto traz má sorte, mas se você procura independência no ano que está por vir, use e abuse do pretinho básico.

- Branco:


Além de ser a união de todas as cores do espectro, também trás muita, mas muita paz ao coração e ao mundo.